Foto: Arquivo Folha
Foto: Arquivo Folha

Vereador apresenta moção de repúdio a monumento na Praça do Museu

 

A instalação de um monumento em Palmeira, na praça Raul Braz de Oliveira, mais conhecida como Praça do Museu, provocou grande polêmica nos últimos dias. Trata-se de uma obra do artista plástico Tany Chary, de Carambeí, com valor de R$ 26 mil, a ser pago pela Prefeitura de Palmeira, na forma de mão com um dos dedos apontando para o céu, num gesto de menção de agradecimento a Deus. Em redes sociais, muitas pessoas manifestaram posição contrária à execução do projeto. Sobre o assunto, o vereador Denis Sanson (PSDC) apresentou moção de repúdio e fez pronunciamento na Câmara Municipal.

Na sessão realizada na terça-feira (5), Sanson usou a tribuna durante o expediente da sessão para comentar a repercussão do assunto em redes sociais. Ele mencionou pesquisa realizada por usuário do Facebook, na qual 285 pessoas opinaram ser contra a instalação do monumento e três manifestaram apoio. Com isto, segundo o vereador, “a população não aprovou a ideia”. Ele afirmou, ainda, que o Executivo deve agir com menos arrogância e ouvir mais a população.

Coletiva

Em virtude da polêmica provocada em redes sociais sobre a instalação do monumento, que faz parte de ações alusivas aos 200 anos de Palmeira, a Prefeitura Municipal convocou a imprensa para uma coletiva para tratar deste assunto, além de outros. A coletiva será realizada na quinta-feira, dia 7, às 16 horas.

Segundo o convite à imprensa, na coletiva será abordado o contexto do monumento que faz parte do projeto de revitalização da Praça Raul Bras de Oliveira. Também serão apresentados mais detalhes sobre os projetos do Beco & Boulevard, Feira ao ar Livre na Praça Domingos Theodorico de Freitas, a praça do Cemitério, e demais projetos que contextualizam os 200 anos de Palmeira.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página