Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira
Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira

Projeto Agrinho Municipal mostra resultados na educação infantil

 

Alunos da educação infantil (creche 2) do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Alderico Viante, no Núcleo João Paulo II, realizaram projeto de educação ambiental conduzidos pela educadora infantil Tabita Ruppel. Os alunos têm entre dois e três anos de idade e com ajuda de seus familiares desenvolveram placas informativas que foram distribuídas na praça Marechal Floriano Peixoto e calçadão da Rua Conceição, na segunda-feira (25).

As placas apresentam frases como: “Não jogue lixo no chão, a natureza agradece”; “Recicle óleo de cozinha: além de evitar a poluição, ele ainda se transforma em sabão”; e “Atenção! Atenção! Eu como criança vou lhe dar uma lição, não estrague as floreiras da rua Conceição”.

De acordo com a educadora, a intenção com o projeto é de fortalecer a conscientização com relação ao patrimônio do município e ao meio ambiente. “É importante criar essa consciência nas pessoas desde a infância, que é quando elas absorvem melhor a informação. Com o apoio dos pais e familiares nessa jornada, o trabalho ficou ainda mais incrível e distribuímos ceca de 15 placas de conscientização pela cidade”, informou Tabita.

Além das placas, o projeto também incluiu a arrecadação de óleo de cozinha já usado, que foi transformado em sabão. A diretora do CMEI, Ivani Schon, destacou que foram arrecadados cerca de 300 litros de óleo e, desses, 15 litros já foram transformados em sabão e levados para venda na feira “Guardiões das Sementes”, em Teixeira Soares. “Outra iniciativa que foi possível com apoio dos pais dos nossos alunos, nosso projeto foi muito elogiado na feira. Acadêmicos da UEPG e estudantes do Rio Grande do Sul elogiaram a ideia”, disse a diretora.

Agrinho

O projeto do CMEI Alderico Viante faz parte do Agrinho Municipal, lançado em agosto deste ano com objetivo de promover a integração do campo e da cidade, mostrando à população a ligação indissociável entre os dois espaços. O programa desenvolverá a integração social através de ações que levem os alunos a opinar, intervir e compreender a importância da diversidade existente no ambiente que vivem, bem como conduzi-los ao entendimento sobre o papel que exercem na melhoria de seus contextos pessoais e sociais.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página