Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira
Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira

Prefeitura paga avanços para servidores municipais nesta terça-feira

 

Cerca de 260 servidores públicos municipais de Palmeira tiveram seus pedidos de progressão vertical aprovados e seus salários serão reajustados a partir do mês de julho. O primeiro pagamento será realizado nesta terça-feira (31), junto com o pagamento dos salários do mês.

Conforme explicação do prefeito Edir Havrechaki, a decisão de pagar os avanços para os servidores municipais foi tomada após a realização de estudo de impacto financeiro no orçamento do Município através do Departamento de Recursos Humanos da Secretaria de Gestão Pública e da Secretaria de Finanças, e análises realizadas pelos membros da Comissão Especial de Avaliações e da Comissão de Avaliação Vertical.

Havrechaki destacou que “graças a boa saúde financeira em que Palmeira se encontra, podemos realizar o pagamento dos avanços para servidores sem impactar negativamente a folha do Município. Foram meses de estudos profundos, analisando individualmente cada pedido, para que tudo coubesse em nosso orçamento”, disse o prefeito.

De acordo com Keitry Kellen Swiech Gabardo, Fiscal Tributária, mensalmente o benefício aumentará em pouco menos de R$ 170 mil a folha de pagamento da Prefeitura. “Este é um valor que a Prefeitura consegue pagar aos servidores que têm direito ao benefício sem atingir o limite prudencial, mantendo-se dentro do que a lei permite”, relatou ela.

Já o secretário de Finanças, Eloir José Voichicoski, destacou que “a parceria e o entendimento de todos os secretários municipais no ajuste dos custos mensais em suas secretarias foi fundamental para viabilização do avanço”.

Progressão

A progressão vertical funciona de acordo com o avanço de ensino que o servidor – de nível fundamental, técnico/médio ou superior – atingiu durante sua carreira. O servidor de nível fundamental que se formar no ensino médio receberá acréscimo de 25% no caso de realizar uma graduação e 10% para pós-graduação. Quem está no nível técnico/médio receberá aumento de 25% se fizer uma graduação, 10% para pós-graduação e 20% para mestrado. Já o servidor que tem nível superior, ao realizar uma nova graduação recebe acréscimo de 10% em seu salário, 20% para mestrado e 20% para doutorado.

Para identificar o pagamento do avanço, o servidor poderá verificar alteração no campo ‘Faixa Salarial’, em seu holerite, que indicará se o pagamento terá base no nível A, B, C ou D. O Departamento de Recursos Humanos também alertou que o pagamento dos avanços estará incluso no item ‘salário base’ no holerite, e não em uma nova categoria. “Vale ressaltar que o aumento do salário base refletirá em outros itens que dependem de porcentagem, como, acréscimos, descontos e demais proventos”, observou Keitry.

A servidora municipal Vera Lúcia de Oliveira Mayer destacou a importância de a administração municipal estender o benefício do avanço aos trabalhadores de todas as secretarias da Prefeitura. “Essa lei dá expectativa para funcionários de fora da Secretaria de Educação realizarem esse tipo de avanço através dos níveis de estudo. Eu, por exemplo, que atualmente trabalho na Secretaria de Cultura, tenho 35 anos de serviço público e é a primeira vez que tenho este tipo de benefício”, contou ela.

Já para o secretário de Gestão Pública, Geraldo Nepomuceno das Neves, a valorização do servidor é um compromisso da administração municipal. “O pagamento de progressão vertical incentiva que nossos servidores estudem e busquem aperfeiçoamento. O conhecimento que eles adquirem, com certeza, melhora o seu desempenho profissional”, comentou Neves.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página