Foto: reprodução / Imagem ilustrativa
Foto: reprodução / Imagem ilustrativa

Palmeira tem redução de recursos de atenção básica à saúde e Bolsa Família

 

Depois de chegar em 2015 aos maiores valores de repasses para programas de saúde e assistência social por parte do governo federal, de lá para cá o que se tem registrada é a redução destes recursos. Dois exemplos claros são o Piso de Atenção Básica (PAB) Fixo, cujos recursos são destinados para custear ações de saúde pública, e o programa Bolsa Família, que destina recursos a famílias em situação de pobreza e extrema pobreza. Em 2017, o primeiro deve sofrer redução de mais de 33%, enquanto a redução do valor do segundo deve ser de 25%, comparados aos repasses de 2015. Os dados constam do Portal da Transparência do governo federal.

Tanto um como outro destinam recursos para ações que impactam diretamente na população que necessita da atenção do poder público. Os cálculos aqui apresentados não consideram os efeitos da inflação do período, com o que acentuam-se as reduções dos valores que são destinados à Prefeitura, no caso do PAB, ou à população, no caso do Bolsa Família. Neste programa de distribuição de renda, cabe lembrar que os recursos recebidos são quase que integralmente aplicados na economia local.

O PAB Fixo destinou a Palmeira, entre janeiro e agosto deste ano, R$ 603.418,64, o que resulta em média mensal de R$ 75.427,33. Mantida esta média até o mês de dezembro, o repasse total do ano deve chegar a R$ 905.127,96. O valor deve ser maior do que o repassado em 2016, de R$ 829.700,63, porém menor do que o repasse de 2015, que foi de R$ 1.361.592,51. O recurso é usado para consultas médicas, odontológicas, pré-natal, vacinação, cirurgias, orientação nutricional e outros procedimentos.

Bolsa Família

O programa Bolsa Família transferiu para beneficiários de Palmeira nos primeiros oito meses de 2017 um montante de R$ 992.886,00. Na média, foram pouco mais de R$ 124 mil disponibilizados a cada mês, entre janeiro e agosto. Mantida a média de transferências mensais, até o final do ano serão repassados mais R$ 496 mil para beneficiários do município, o que deve totalizar cerca de R$ 1,5 milhão pagos como benefício aos cadastrados no programa. Isto representa uma redução de mais de R$ 300 mil em comparação com o valor repassado em 2016, que foi de R$ 1.817.335,00.

Voltando um ano a mais, para 2015, a redução dos valores se acentua, chegando a mais de R$ 500 mil, visto que naquele ano foram repassados aos beneficiários do Bolsa Família em Palmeira R$ 2.001.189,00.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página