Foto: Divulgação / AMCG
Foto: Divulgação / AMCG

Palmeira sedia Encontro de Tradições em novembro para apresentar cultura regional

 

propaganda-superior-site-super-otica

 

Nos próximos meses, atrações culturais devem movimentar municípios da região. Palmeira e Ponta Grossa já têm programados eventos que visam promover a cultura e o turismo dos Campos Gerais. Assim, o 3º Salão do Turismo dos Campos Gerais está agendado para ocorrer entre os dias 18 e 27 de outubro no Centro de Eventos de Ponta Grossa e o Encontro de Tradições será realizado entre os dias 8 e 10 de novembro em Palmeira. Durante reunião do setor de Cultura da Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG), realizada em Arapoti nesta terça-feira (20), os gestores municipais foram convidados a levar suas atrações culturais e gastronômicas para os eventos.

Coordenador da AMCG Cultura e secretário de Cultura, Patrimônio Histórico, Turismo e Relações Públicas da Prefeitura de Palmeira, Waldir Joanassi Filho disse que a intenção com os eventos é promover os municípios da região por meio da cultura, “e reunindo nossos atrativos em eventos é uma das maneiras que podemos fazer isso”, justificou ele.

Durante o 3º Salão de Turismo, os municípios da AMCG terão um espaço para levar suas atrações culturais, e durante o Festival de Tradições a ideia é contar com um estande em que os visitantes possam experimentar a diversificada gastronomia regional. “Tivemos a ideia a partir do projeto Sabores dos Campos Gerais”, conta um dos organizadores do evento, e produtor cultural Luís Mário Stein, destacando que os pratos devem contar com a temática do evento, “ser tradicional”.

Os dois eventos programados contarão com o apoio da AMCG e devem atrair grande número de visitantes para a região dos Campos Gerais. “Estamos percebendo ampla movimentação em todos os nossos municípios na área cultural e queremos, cada vez mais, desenvolver esse intercâmbio”, avalia a diretora da AMCG, Katiane Pires.

Contos e Lendas

Durante o encontro da AMCG Cultura, os gestores contaram ainda sobre a repercussão que o projeto ‘Contos e Lendas dos Campos Gerais’ está surtindo nos seus municípios, mesmo após a finalização da primeira etapa, com o término da exibição do quadro no programa Tribuna da Massa. Em Arapoti, por exemplo, o resgate das lendas foi destaque durante a Expoleite, evento que ocorreu no mês de julho. “Fizemos um estande contando sobre o processo, as lendas resgatadas, e ainda com fotos da Fábrica Mãe, que foi citada durante as Rodas de Conversas”, conta o chefe da Divisão de Cultura, João Henrique Fernandes.

A Fábrica Mãe de Arapoti – uma antiga fábrica de papel – foi onde ‘surgiu’ o município. “As pessoas vieram nos contar e resgataram muitas histórias”, relatou Fernandes, recordando que a fábrica foi demolida, mas que deixou muitas recordações.

Ao final da reunião, os gestores da AMCG Cultura puderam conhecer parte da Rota dos Imigrantes, em Arapoti. O Museu do Agricultor, de propriedade privada, que conta com um acervo de mais de 50 tratores de diversas marcas e tipos, entre outras relíquias, e a Capela São João Batista, mais conhecida como Igrejinha, encantaram os dirigentes.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página