LEI 4498 2017 Anexo Único PMUMP Completo.pdf

Estudo prevê linhas interbairros e industrial para o transporte coletivo

 

Com base em estudo realizado por empresa contratada, a Prefeitura de Palmeira regulamentou a Política de Mobilidade Urbana através de lei, que foi publicada no Diário Oficial do Município na sexta-feira (29), instituindo o Plano de Mobilidade Urbana (PMU) Palmeira. O PMU prevê a implantação de duas linhas de transporte coletivo público para a área urbana: a linha interbairros e a linha industrial.

O plano de mobilidade prevê sistema de transporte público que terá prioridade em relação a demais modais motorizados no município, com infraestrutura como pontos de parada de embarque e desembarque e sinalizações de prioridade do serviço de transporte quando necessário. Conforme o estudo, devem ser implantadas a linha interbairros, ligando bairros ao Centro da cidade, e a linha  industrial, para que passageiros de todas as regiões urbanas possam se deslocar às áreas onde estão localizadas as indústrias.

A linha interbairros tem traçado que passa por ruas do Centro da cidade e segue para os bairros da Colônia Francesa, Rocio 2, Rocio, Regina Vitória, Farajala Bacila, Núcleo Parque dos Papiros e Vila Rosa. Já a linha industrial passa pelos mesmos bairros e, ainda, segue até o final da avenida das Palmeiras, passa pela PR 151 e vai ao Distrito Industrial.

O estudo também contempla o transporte coletivo público para a área rural do município. Ele indica a disponibilização de maior quantidade de horários para rotas que ligam a cidade a localidades do interior conforme o crescimento da demanda de passageiros.

Sem prazo

Não há prazo estabelecido para que as linhas de transporte coletivo previstas no PMU sejam implantadas. A Secretaria de Obras e Infraestrutura e a Secretaria de Urbanismo são os órgãos responsáveis por avaliar e estabelece a aplicação das mudanças conforme a disponibilidade da administração municipal.

Para a secretária de Obras e Infraestrutura, Francine Albuquerque, a mobilidade é um tema muito importante que coloca Palmeira dentre os poucos municípios do estado a trabalharem o tema na legislação. “Para que essas mudanças entrem em vigor precisamos de pessoal bem informado e treinado no assunto. Para isso vamos desenvolver curso nos próximos meses, para secretários e Núcleos de Assessoramento Financeiro. Será mais um passo importante na efetivação desse projeto”, disse a secretária

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página