Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira
Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira

ESFs formam grupos para ensinar população a ter hábitos de vida saudáveis

 

As Estratégias de Saúde da Família (ESF) dos bairros do Rocio e do Jardim Christine deram início a grupos multiprofissionais com objetivo de ensinar a população a ter hábitos de vida saudáveis, seja na área da nutrição, da psicologia, da educação física e outras. Os primeiros encontros aconteceram na quarta-feira (20), na Associação de Moradores do Rocio, e na sexta-feira (22), no Jardim Christine.

Ambos os grupos contaram com 16 participantes, que realizaram várias atividades, como antropometria (medição de peso e altura), elaboração do suco verde e explicação dos seus benefícios para a saúde, atividade física, além de explanações de uma psicóloga. Os encontros serão realizados uma vez por mês.

De acordo com a nutricionista Veridiana Hass, coordenadora dos grupos, o objetivo é levar diversas atividades para a população através do Núcleo Ampliado à Saúde da Família (NASF), um programa criado pelo governo federal e que leva as especialidades até as ESF. Com isto, a população não precisa de atendimento individual para cada especialidade e pode usufruir de várias atividades de uma vez só.

Esse é um benefício para o usuário, que não precisa ficar aguardando encaminhamento para cada tipo de especialidade e eles se divertem muito nos grupos. Beneficia também a ESF que consegue conhecer melhor seus pacientes e estar em contato com eles, dando auxílio em todas as áreas em que é preciso”, destacou a nutricionista.

A coordenadora também relatou que é importante lembrar que, além de tratar, o grupo serve também para prevenir, que é o foco atual. “Queremos estender esses grupos a toda a população intere,ssada em participar e levar mais qualidade de vida para todos. Neste momento, nem todas as unidades possuem grupos, pois ainda estão sendo implantados. Mas, em breve todas as ESFs da área urbana, além de Vilinha e Vieiras, receberão ações semelhantes”, disse a nutricionista.

Veridiana exemplificou o benefício do trabalho como nutricionista com o grupo. “No atendimento individual o paciente vai uma vez na consulta, pega o cardápio e raramente volta para acompanhamento. Através desses grupos o usuário volta, e está sempre aprendendo algo novo e sendo motivado toda vez que vai no grupo”, relatou ela.

NASF

Atualmente o NASF conta com nutricionista, psicóloga, educadora física, fonoaudióloga, assistente social e farmacêutica. Todos esses profissionais atuam em conjunto com as ESFs e atendem a demanda apresentada pelas unidades de saúde através de trabalhos em grupo.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página