mosquito2Febreamarela

DE TRÊS CASOS SUSPEITOS DE DENGUE EM PALMEIRA, DOIS SÃO DESCARTADOS E UM ESTÁ SOB INVESTIGAÇÃO

Informação confirmada pelo setor de Epidemiologia da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Palmeira, na manhã desta quarta-feira (22), é de que mais um caso suspeito de dengue foi notificado, nesta semana. Segundo o enfermeiro Jean Carlo das Almas, trata-se de morador da cidade e o caso está sob investigação. Neste mês de janeiro foram notificados, anteriormente, na semana entre os dias 6 e 10, dois casos suspeitos de dengue no município, sendo um morador da cidade e outro do interior, porém ambos descartados após a realização de exames laboratoriais.

Embora com risco baixo para casos da doença, Palmeira é considerada pela Secretaria de Estado da Saúde como município com infestação do mosquito. De toda forma, a orientação à população é para que seja mantida a prevenção contra a proliferação do mosquito Aedes aegipty, transmissor do vírus da dengue.

O boletim semanal divulgado na terça-feira (21) pela Secretaria de Estado da Saúde registra 7.618 casos confirmados de dengue no Estado; 1.550 a mais que a publicação anterior, que somava 6.068. O aumento desta semana epidemiológica corresponde a 25,54%. Quando a comparação é feita em relação ao mesmo período, no ano de 2019, este aumento chega a 4.846%.

No total, já são 24 municípios em epidemia; Bandeirantes, na região Norte, e Ivaiporã, no Vale do Ivaí, entraram para a relação nesta semana. Os outros municípios que já atingiram este patamar estão nas regiões Norte, Noroeste, Oeste e Sudoeste do estado. Quem for viajar para estas regiões deve ficar atento às medidas de proteção, como usar repelente.

Em situação de alerta para dengue estão mais 27 municípios, que juntos somam 990 casos autóctones nesta semana epidemiológica. Apresentam casos de dengue grave, com pacientes em tratamento, os municípios de Paranaguá, Foz do Iguaçu e Londrina, entre outros, que também merecem atenção de quem os visita, a passeio ou negócios. Já as cidades com maior número de casos confirmados são: Inajá, com 577; Nova Cantu, com 569; Paranavaí, com 549, e Quinta do Sol, com 440. Em Nova Cantu ocorreram dois óbitos em decorrência da doença.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página