Dicas Carnaval em Palmeira

Confira 10 dicas de o que fazer em Palmeira para comemorar o Carnaval

 

Palmeiras banner superior

 

Estamos na véspera de um dos feriados mais aguardados por grande parte dos brasileiros, o Carnaval. Sem dúvidas é a maior festa popular do país e já foi descrito até como o “maior show da Terra” pelo samba enredo da escola de samba carioca União da Ilha do Governador, em 1982.

A festa acontece durante os quatro dias que precedem a quarta–feira de cinzas, que neste ano é comemorado no dia 6 de março. Há algumas décadas o Carnaval também se destacava em Palmeira, porém, seu brilho já não é o mesmo na Cidade Clima.

Outrora, os clubes ficavam lotados para os festejos da data, blocos desfilavam pelas vias e foliões animados andavam pelas ruas, acompanhados de música, fantasias e muita diversão.

Mesmo com as mudanças ocasionadas pelo tempo, engana-se quem acha que somente em outros municípios podemos encontrar diversão no Carnaval. A Folha destacou algumas atividades para quem quer se divertir neste feriado em Palmeira.

Garbô Fest

As comemorações de Carnaval em Palmeira começam na sexta-feira (1º), com a Garbô Fest, que acontece no Clube Palmeirense, a partir das 23 horas. As atrações musicais serão Wallax, Will G., Kelvin e Kauan e DJ Xaviesko.

CarnaMix

No sábado (2), é a vez do Stone Bar realizar seu Carnaval, com a CarnaMix. O evento começa às 23 horas, com animação do Samba Trio, Dj Thor e Tony e Oliver.

BierPark

Neste ano a Colônia Witmarsum recebe a 3ª edição da BierPark Festival, um prato cheio para quem deseja curtir um feriado de Carnaval diferente, sem as tradicionais marchinhas, blocos, trio elétricos e samba. A festa acontece no sábado (2) e domingo (3), das 10 às 19 horas, Centro Cultural Social e Recreativo Witmarsum. As atrações serão as bandas Aero Diesel, Mandala Folk, Clan Mac Norse e Blues na Estrada.

Carnaval Bierwit

O roteiro gastronômico de Witmarsum também terá comemoração da data, como por exemplo no Bierwit Restaurante e Choperia, que realiza seu Carnaval no sábado (2), a partir das 19 horas, tendo a banda Circuito Absoluto como atração.

Carnarock

O Carnarock acontece na praça Marechal Floriano Peixoto, mais especificamente na Coperia Kasdorf’s. Será no domingo (3), a partir das 16h30, tendo com atração musical Will Wienen, com direito a promoção de chope na data.

Turismo

Além das festas e comemorações ocasionadas pelo Carnaval, os “foliões” também podem se divertir de maneiras alternativas, como explorando as inúmeras belezas naturais que podemos encontrar em Palmeira. Veja mais algumas dicas a seguir:

Recanto dos Papagaios

Curtir um churrasco com os amigos, andar por trilhas entre pinheiros, jogar bocha, mergulhar em uma piscina natural ou relaxar durante uma pescaria. Estas são algumas das opções de lazer do Recanto dos Papagaios, uma área de 15 mil metros quadrados localizada na divisa entre os municípios de Palmeira e Balsa Nova, com acesso pela BR 277, em direção a Curitiba.

O local tem entrada franca e fica aberto todos os dias, das 6 às 18h. Neste feriado o local deve ser mais concorrido pelos visitantes, que devem lotar o lugar. Na infraestrutura do espaço destaque para as diversas churrasqueiras espalhadas pelo bosque de pinheiros e para a piscina artificial com água (gelada) do rio dos Papagaios. Na área há banheiros públicos e estacionamento gratuito.

Também é possível realizar camping ou locar um chalé, porém com custos. Mais informações sobre este serviço e agendamentos podem ser solicitados pelo telefone (41) 9 9642-1029, com Viviane.

Colônia Witmarsum

Passear na Colônia Witmarsum sempre é uma excelente opção, principalmente nos feriados. Lá você pode desfrutar de gastronomia típica e apreciar o tradicional heisben (joelho de porco), experimentar as salsichas alemãs ou marreco recheado, acompanhado de purê de batatas e chucrute. Opções mais leves podem ser os cafés coloniais, com apfelstrudel (torta de maçã), pão de preto com geléias, requeijão fresco, bolachas caseiras.

Quer apenas passear? Sem problemas, basta uma caminhada pela parte central da Colônia para apreciar a arquitetura, as igrejas, conhecer o comércio local, o Museu Histórico, as casas de artesanato, as famosas Estrias Glaciais. Quer passar mais tempo? É só se hospedar em uma das pousadas e imergir em um clima germânico de Witmarsum.

Memorial da Colônia Cecília

A Colônia Cecília foi uma comuna experimental baseada em premissas anarquistas. A Colônia foi fundada em 1890, no município de Palmeira, na localidade de Santa Bárbara, por um grupo de libertários mobilizados pelo jornalista e agrônomo italiano Giovanni Rossi (1859-1943).

A fundação da Colônia Cecília foi a primeira tentativa efetiva de implantação do ideário anarquista no Brasil (1889), com o propósito de instaurar uma comunidade capaz de propulsionar um “novo tempo”, uma utopia baseada no trabalho, na vida e no amor libertário. Nos quatro anos de existência da colônia (1890-1894), sua população chegou a atingir cerca de 250 pessoas.

Capelinhas de Vieiras

Ao longo de um corredor de grama baixa, cercado por muitas árvores, 14 capelinhas feitas de pedra contam a história de um imigrante português que viveu no Paraná. Elas, durante o ano todo, fazem parte do roteiro religioso de várias excursões. Dispostas na forma de uma grande cruz deitada, as construções compõem o Santuário do Senhor Bom Jesus do Monte, localizado em Vieiras.

O santuário foi idealizado por Bento Luís da Costa. Essa foi a forma que ele encontrou para agradecer as graças que recebeu durante os cerca de 50 anos que viveu em Vieiras. Dedicada a Bom Jesus do Monte, a mais antiga e a maior das capelas foi inaugurada em 29 de janeiro de 1935.

Mirante Natural do Cercado

O mirante natural, localizado na localidade de Cercado, encontra-se a uma altitude de 1.060 metros acima do nível do mar. O local além da magnífica vista oferece a possibilidade da praticada de esportes como o rapel e a escalada, uma vez que possui quase 100 metros de altura. Para chegar até o mirante o visitante passará pela propriedade de Edemilson Gonçalves, que atua como funcionário da Associação Menonita de Assistência Social e como guia local. A AMAS também aluga um espaço com churrasqueiras, banheiros, cozinha e dormitórios para grupos que queiram ficar mais tempo na região.

 

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página