associacao-de-radios

Apracom realiza o maior evento da história da radiodifusão comunitária no Paraná

No dia 29 de outubro foi realizado em Campo Mourão (no centro-oeste paranaense) o 1º Congresso da Apracom (Associação Paranaense de Rádios Comunitárias), com o tema “Unidos na Paixão Pela Radiodifusão”. O encontro reuniu aproximadamente 300 comunicadores, representando mais de 150 emissoras comunitárias do estado e também algumas autoridades, como o deputado estadual Evandro Araújo (PSC), o Reitor da Unicentro Aldo Nelson Bonao gerente regional da Sanepar em Campo Mourão, Edson Lima, o presidente do IPCE (Instituto Paranaense de Ciência do Esporte), Diego Gurgaz e o Diretor Jurídico da Abraço-SC (Associação Catarinense de Radiodifusão Comunitária), João Carlos Santin.

A programação do evento começou com uma recepção na Casa da Cultura, onde os participantes tomaram café da manhã. Logo depois todos foram para o Teatro Municipal, local em que ocorreu a apresentação dos representantes da comissão provisória de criação da Apracom. Segundo eles, a associação foi criada com o objetivo de mudar a realidade das rádios comunitárias que, desde a sua instituição, em 1998, sofrem com algumas limitações e também o que consideram discriminação por parte das emissoras comerciais.

Ao longo da reunião foi apresentada uma moção assinada por todos os representantes das emissoras presentes. O documento tem por objetivo solicitar convênios com a Copel e com o Governo do Estado. Ainda foram debatidos benefícios da união das rádios comunitárias para levar reivindicações a serem feitas junto da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e do Ministério de Ciência e Tecnologia e Comunicações.

Reunindo palestrantes de diversas áreas, os organizadores do congresso apostaram na qualificação dos comunicadores como um dos diferenciais da Apracom e por isso realizaram oficinas de diversos temas, que vão desde a explicação de normas técnicas e jurídicas à criação de textos e estudos de melhorias que podem ser feitas nas grades das emissoras. Os participantes foram divididos em grupos temáticos por salas para proporcionar melhor aproveitamento do conteúdo dos debates relacionados aos temas propostos.

Outro ponto que também chamou a atenção dos que se fizeram presentes foi a realização de uma feira onde produtos voltados ao setor foram apresentados. Algumas empresas aproveitaram a oportunidade para expor sistemas de automação, equipamentos para modernizar as emissoras e outros itens com foco nos profissionais do ramo.

Durante a realização do congresso houve sorteio de brindes. Entre os prêmios estavam alguns equipamentos para as emissoras e uma moto 0Km que foi doada pela Talk Radio, uma das empresas que  marcaram presença. O evento contou ainda com apoio das universidades Unioeste e Unespar, bem como das empresas Omega Sistemas, Winkochan, Coamo, Lojas MM, Integrada Cooperativa Agroindustrial, Parati, Mourãoense Turismo, SinteckNext, Teleondas Radiodifusão Profissional, Fundacam, Arceop, A. J. Rorato, Frigorífico AVR, Sanepar e Ody Park Aquático.

Após todos os eventos programados terem sido concluídos os participantes se reuniram em Assembleia Geral para oficializar a fundação da Apracom e eleger diretoria, coordenadorias regionais, além de iniciar a definição das metas e o plano de trabalho da associação. Luiz Dzulinski de Ponta Grossa foi eleito presidente, numa executiva estadual composta por 9 membros, conselho fiscal e ainda 22 coordenadores de regionais. Segundo o presidente eleito Luiz Dzulinski “este foi o primeiro passo dado para a organização e fortalecimento das rádios comunitárias no Estado do Paraná, um primeiro passo de uma longa caminhada, mas um passo gigantesco diante das dificuldades enfrentadas pelas rádios comunitárias atualmente”.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página