Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira
Foto: Divulgação / Prefeitura de Palmeira

Ação do CAPS aborda condições da saúde mental de servidores municipais

 

Em outubro de 2017, a equipe do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) Dr. Homero Dias Baptista realizou diversas atividades alusivas ao Dia Mundial de Saúde Mental, celebrado em 10 de outubro. Nesta segunda-feira (16) três profissionais da equipe do CAPS apresentaram as respostas dos servidores ao prefeito Edir Havrechaki e aos secretários municipais. A apresentação foi feita por Marina Gross Gonçalves, pedagoga e coordenadora do CAPS, Maria Lúcia Sendeski, agente social, e Cassiele Coelho, psicóloga.

Uma das ações foi a coleta de respostas sobre saúde mental, através de uma urna que passou em todas as secretarias da Prefeitura de Palmeira. Servidores de cada setor depositaram suas respostas para a pergunta “Como está sua Saúde Mental?”. Não foi necessária a identificação do servidor e eles puderam responder com sinceridade a pergunta, expondo como realmente estão suas situações relacionadas ao tema.

Através de uma atividade dinâmica, o prefeito e os secretários puderam ler o conteúdo depositado na urna e debateram sobre as respostas com as profissionais do CAPS, com o intuito de encontrar formas de trabalhar e melhorar a saúde mental dos servidores municipais.

A coordenadora do CAPS explicou que “a urna ficou lacrada durante todo o período em que passou pelas secretarias e somente os profissionais do CAPS tiveram acesso às respostas. Agora estamos apresentando ao prefeito e aos secretários o conteúdo para mostrar como está a saúde mental dos servidores municipais, seja no ambiente de trabalho, ambiente doméstico e demais ambientes, e os reflexos que isto pode causar”, explicou Marina.

O prefeito comentou que uma das preocupações da administração municipal é o bem-estar das pessoas. “Vamos trabalhar formas de melhorar a saúde mental de nossos servidores. Uma pessoa mentalmente saudável trabalha com mais ânimo e os resultados são positivos, tanto para a vida profissional, quanto na vida pessoal. As vezes o simples fato de você conversar e ouvir o outro, dar atenção para ele ou demonstrar carinho, pode fazer uma diferença enorme”, destacou ele.

O prefeito também relatou que observa que as pessoas estão cada vez menos saudáveis mentalmente. “Atualmente ficamos muito focados em determinadas situações e isso pode fragilizar nossa saúde mental em algum momento. Sinto que as vezes as pessoas deixam de dar atenção às coisas essenciais para o bem-estar, como o lazer e a convivência com amigos e família, por exemplo”, disse Havrechaki.

Saúde mental

A maior parte das pessoas quando ouve falar em “saúde mental” pensa em “doença mental”. Mas a saúde mental implica muito mais que a ausência de doenças mentais. Pessoas mentalmente saudáveis compreendem que ninguém é perfeito, que todos possuem limites e que não se pode ser tudo para todos.

Elas vivenciam diariamente uma série de emoções como alegria, amor, satisfação, tristeza, raiva e frustração. São capazes de enfrentar os desafios e as mudanças da vida cotidiana com equilíbrio e sabem procurar ajuda quando têm dificuldade em lidar com conflitos, perturbações, traumas ou transições importantes nos diferentes ciclos da vida.

A saúde mental de uma pessoa está relacionada à forma como ela reage às exigências da vida e ao modo como harmoniza seus desejos, capacidades, ambições, ideias e emoções.

Ter saúde mental é estar bem consigo mesmo e com os outros; aceitar as exigências da vida; saber lidar com as boas emoções e também com aquelas desagradáveis, mas que fazem parte da vida e reconhecer seus limites e buscar ajuda quando necessário. Todas as pessoas podem apresentar sinais de sofrimento psíquico em alguma fase da vida.

Alguns passos para manter sua saúde mental em dia é manter sentimentos positivos consigo, com os outros e com a vida; aceitar-se e às outras pessoas com suas qualidades e limitações; evite consumo de álcool, cigarro e medicamentos sem prescrição médica, não usar drogas; praticar sexo seguro; reservar tempo em sua vida para o lazer, a convivência com os amigos e com a família, manter bons hábitos alimentares, dormir bem e praticar atividades físicas regularmente, entre outras ações.

Comentários

comentários

Publicidade

Curta nossa Página